Acesso Restrito!
 
D┌VIDAS FREQUENTES
D┌VIDAS FREQUENTES
 

Não tenho três orçamentos, como devo proceder?

 

A ausência dos três orçamentos deve ser justificada no projeto básico, em seguida do descritivo do objeto, informando o porquê desta ausência, que pode ser: pela dificuldade de empresas que atendam ao objeto, resistência de empresas a encaminharem o orçamento, o mais importante é demonstrar que houve busca, se possível anexando o e-mail ou comprovante de envio de fax da solicitação de orçamento para empresas, lembrando que o servidor público tem fé pública e pode fazer uso de sua palavra para atestar algumas situações. O fundamental e imprescindível neste caso é ter certeza de que o valor médio do objeto, mesmo feito sem três cotações, é de que este valor seja destro da realidade financeira de mercado, nem supervalorizada ao ponto de superfaturar a aquisição nem com valor muito baixo ao ponto de tornar o valor inexeqüível.

 

Há um orçamento com grande diferença de valor dos demais, como devo proceder?

 

Neste caso a primeira coisa a se fazer é ter a certeza que o fornecedor cotou o mesmo objeto com as mesmas características que as demais empresas (por isso da importância do preenchimento correto da solicitação de orçamento), para isso basta entrar em contato com este fornecedor e ter esta certeza, neste contato também pode ser constatado que houve por parte do fornecedor erro de digitação o que pode ser solicitado um orçamento corrigindo esta informação. Não sendo nenhum dos casos acima a causa desta discrepância, deve se buscar mais orçamentos com outras empresas a fim de atestar quais valores estão de acordo com a realidade financeira do objeto, e quando tiver esta certeza, deve-se fazer a média de preços do objeto desconsiderando as propostas com valores fora da realidade financeira de mercado, não esquecendo de justificar como foi efetuado este calculo no Projeto Básico.

 

 

O que significa no Projeto Básico o item “Forma de Execução”?

 

Significa a forma de como a empresa contratada ira fornecer seus produtos ou serviços.

 

Qual a diferença entre Prazo de Vigência e Prazo de Execução?

 

Prazo de vigência é o período em que o instrumento de contratação ou licitação terá validade para executar os serviços ou solicitar as aquisições, uma vez expirado o prazo de vigência a licitação perde sua validade, o prazo de vigência ter normalmente por base a data de emissão do Instrumento de Contratação, já o prazo de execução é no caso quanto tempo a empresa tem pra executar o serviço ou entregar o produto, o prazo de execução normalmente  passa a contra a partir do recebimento da Nota de Empenho pela empresa , por exemplo num Pregão de registro de preços para compra de mobiliário a secretaria solicitante gostaria que fosse feito um registro de preços para atender suas necessidades nos próximos doze meses (prazo de Vigência) mas sempre que precisa se  fazer uso desta licitação para adquirir estes matérias esta gostaria que os produtos fossem entregues em no máximo 10 dias (prazo de execução).

 

 

 


Críticas e sugestões | Dúvidas e necessidade de treinamento